Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção
Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção
Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção >

Blog

Saiba como identificar a perda auditiva

Publicado dia 27/03/2018 arquivado na categoria Blog
Gostou? Então compartilhe!

A perda auditiva é algo que normalmente ocorre de forma gradual, por este motivo muitas pessoas não conseguem identificar o problema, uma vez que os sintomas não são fáceis de se detectar. No entanto, existem alguns sinais que podem facilitar a identificação da perda auditiva. É importante lembrar que a perda da audição com o passar da idade é natural, porém, ela pode acontecer de forma precoce entre os 40 ou 50 anos, fazendo com que na terceira idade a audição esteja completamente comprometida. Por isso, é imprescindível o diagnostico imediato.

As causas da perda auditiva podem variar entre fatores genéticos e a exposição a ruídos muito intensos, porém ela pode ser também uma consequência de uso de alguns medicamentos e infecções auditivas que a pessoa teve ao longo da vida. O tratamento pode variar para cada caso, podendo o especialista indicar um processo cirúrgico ou o uso de aparelhos auditivos.

A perda auditiva pode apresentar vários graus sendo eles leve, modero, acentuada, severo ou profundo e pode afetar apenas um ouvido ou os dois. Normalmente a perda auditiva se agrava com o passar do tempo.

 

Existem alguns sintomas que facilitam o reconhecimento do problema sendo eles:

 

  • Não entender o que as pessoas estão dizendo pedindo para repetir as informações com frequência;
  • Falar muito alto, sendo este um problema identificado pelos familiares e amigos;
  • Sentir necessidade de aumentar muito o volume de aparelhos de TV ou rádio para ouvir melhor;
  • Ter a impressão de que o ouvido está tampado ou ouvir um pequeno zumbido;
  • Escutar com dificuldade quando a pessoa o chama sem estar à sua frente;
  • Sentir dificuldade de se comunicar em pequenos grupos;
  • Encontra dificuldade de se comunicar em ambientes ruidosos;
  • Não escutar barulhos do cotidiano como o tic-tac do relógio;
  • Encontra dificuldade em ouvir o toque da campainha e do telefone;

 

A classificação da perda auditiva:

 

  • Leve – quando a pessoa ouve a partir dos 25 decibéis até aos 40, apresentando dificuldade em entender a fala dos familiares e amigos em ambientes ruidosos;
  • Moderada – quando a pessoa ouve apenas a partir dos 41 até os 55 decibéis, encontrando problemas para ouvir uma conversa em grupo;
  • Acentuada – a capacidade de ouvir apenas ocorre a partir dos 56 até os 70 decibéis, sendo que, neste caso, a pessoa somente consegue ouvir ruídos fortes. Recomenda-se o uso de aparelhos ou prótese auditiva.
  • Severa – quando o individuo somente consegue ouvir a partir dos 71 até aos 90 decibéis.
  • Profunda – a pessoa ouve a partir dos 91 decibéis e não consegue identificar sons.

 

A recomendação do tratamento vai variar de acordo com qual o tipo de perda auditiva que a pessoa tem apresentado. Se você notou algum destes sintomas é importante procurar uma ajuda profissional para que a perda não se agrave gerando maiores transtornos. Quanto mais rápido a procura pelo o tratamento mais eficaz será o resultado.

 

 

Leia também: “COMO PRESERVAR A SAÚDE DA AUDIÇÃO

Gostou? Então compartilhe!
Fale conosco