Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção

Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção
Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção
Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção Aparelhos Auditivos BH, Aparelhos Auditivos em BH, Aparelhos Auditivos em Belo Horizonte, Aparelhos Auditivos Baratos, Aparelhos Auditivos Promoção >

Blog

Perda auditiva é algo cada vez mais presente na vida das pessoas, portanto mais comum

Publicado dia 5/12/2017 arquivado na categoria Blog
Gostou? Então compartilhe!

O processo de descoberta da perda auditiva muitas vezes não é fácil. Podendo se tornar uma surpresa e um grande desafio para a maioria das pessoas, provocando sentimentos relacionados à insegurança e consequente vergonha de usar os aparelhos.

Todos esses sentimentos relacionados à utilização dos aparelhos auditivos são comuns, fazendo com que as pessoas procurem opções de aparelhos quase imperceptíveis ou que simplesmente pensem em ignorar a surdez em um primeiro momento. Esse problema é mais recorrente em adolescente e jovens, que acabam se sentindo diferentes dos outros.

No entanto, os aparelhos são essenciais para quem é diagnosticado com essa deficiência e quanto mais o tempo passa, mais perceptível a surdez fica. Além de ser um dificultador nas relações interpessoais, interfere na sua saúde e ainda afeta a auto-estima.

Esse complexo pode estar relacionado a uma série de fatores. O principal deles costuma ser uma barreira imposta pelo próprio usuário da perda auditiva, que já prevê e apresenta dificuldade de lidar com a curiosidade alheia.

Os aparelhos auditivos podem, de fato, despertar muitos olhares e alguns comentários desconcertantes, mas a melhor maneira de lidar com esses comentários é informando todos os benefícios que o aparelho proporciona.

 Aproveite as dicas que separamos para auxiliar na aceitação do uso do aparelho auditivo:

 

Faça uma lista dos prós e contras

Se fizer esse exercício de pensar nas situações, verá com clareza os benefícios dos aparelhos e que não tem por que sentir vergonha de um recurso que só ajuda.
Então coloque no papel! Crie uma lista do que eles trazem de bom para a sua vida e como refletem no seu relacionamento com as pessoas que convivem com você. E você pode aproveitar para ler esse papel sempre que a insegurança bater.

 

Veja como um acessório facilitador
Usar aparelhos não deve ser motivo para vergonha, o preconceito sim. Por isso, a forma como você vê seus aparelhos influencia em como os outros irão ver. E a nossa dica é: pense neles como um acessório facilitador para a perda auditiva.
Os aparelhos auditivos são como óculos de grau e devem ser encarados da mesma maneira. São acessórios com a função de ajudar a solucionar problemas semelhantes. Enxergar melhor, escutar melhor.

 

Vá aos poucos
Se acredita que ainda não está preparado para aderir de uma vez ou se sente constrangido e desconfortável por usar um aparelho auditivo, isso pode não mudar de uma hora para outra. Então comece devagar, adaptando-se aos poucos.
Comece utilizando em situações que o incomodam menos, aumentando o grau de dificuldade sempre que se sentir mais confiante. E não se sinta mal por sentir medo ou vergonha: a insegurança é uma característica normal do ser humano. Com calma e paciência vai passar a sentir-se menos envergonhado e ao fim de um tempo, você não vai querer mais sair sem o aparelho.

Procure pessoas com experiências semelhantes

Saber que você não está sozinho e que muitas outras pessoas com perda auditiva passaram pela mesma situação pode ajudar. Essas pessoas serão capazes de explicar como lidaram com a insegurança e você verá que ao fim de algum tempo essa ansiedade é ultrapassada pelas muitas vantagens que o paciente tem na sua vida.

Confie no seu médico
O seu fonoaudiólogo será o seu grande companheiro na busca pela adaptação do uso do aparelho auditivo e também na hora de escolher o aparelho ideal para você. Então não tenha receio de fazer todas as perguntas que você desejar.
É um universo completamente novo, o que justifica todas as dúvidas e inseguranças. Quanto mais você conversar com seu fonoaudiólogo sobre elas, mais rápido elas vão desaparecer!

 

Por fim, saiba que a resistência de usar aparelhos auditivos não é novidade, mas ela tem feito parte da vida de cada vez menos pessoas. Isso é o que as pesquisas da EuroTrak, realizadas pela EHIMA (Associação Europeia de Fabricantes de Aparelho Auditivo), na Europa em 2009, 2012 e 2015 indicam.
No ano de 2009, foi computado que 56% das pessoas entrevistadas na pesquisa com perda assumiram se sentir envergonhadas de usarem aparelho auditivo. Três anos depois, após refeita a pesquisa, 52% dos entrevistados diziam ter vergonha de suas próteses. Já em 2015, esse número havia caído para 42%.
Para os especialistas, essa queda na “taxa de vergonha” está relacionada com a maior compreensão sobre a importância do aparelho auditivo.

A perda auditiva é algo cada vez mais presente na vida das pessoas, e, portanto mais comum. Reforçando a ideia de que o problema deve ser encarado com a naturalidade que ele merece. Além disso, os aparelhos auditivos estão cada vez menores e discretos.

Faça um teste gratuito por 07 dias, clique AQUI: TesteGratuito07Dias

Gostou? Então compartilhe!
Fale conosco